15/08/2017

, ,

NOVIDADE: Misturando pop tropical e hip hop, conheça o projeto Carolla 33


Com um pé no pop tropical e outro no rap e hip-hop, o EP “Tempo Diferente” inaugura a trajetória do Carolla 33, já disponível nas plataformas de streaming de música. Novo projeto do cantor, compositor e guitarrista carioca Mateus Sanches, o trabalho traz a participação especial da vocalista Julia Selles.

Mateus é conhecido do público por integrar a banda Tereza, que marcou presença no programa SuperStar, da Rede Globo. Neste novo projeto, o músico exercita outras veias criativas. Carolla 33 já surgiu nas primeiras notas de “Tempo Diferente”, faixa-título do álbum.


“Ela nasceu de uma sequência de dois acordes que sempre gostei muito de tocar, toda vez que pegava o violão pra brincar um pouco. Quando comecei a me interessar por gravação e mixagem, resolvi testar gravando uma base com esses acordes. Acabei gostando bastante do loop e decidi escrever uma letra. Minha intenção inicial foi fazer uma música apenas para a Julia Selles cantar, mas enquanto desenvolvia o refrão senti que faltava uma metade da história. Normalmente em um fim de relacionamento, a gente tende a achar que o outro já superou completamente a história. Quis brincar um pouco com as perspectivas dos envolvidos. Depois que terminei de gravar e mixar essa música senti que estava legal pra lançar, então resolvi escrever mais algumas e completar um EP”, comenta Mateus.

O novo projeto foi batizado ali mesmo, nos softwares de gravação e mixagem. Durante o processo de aprendizagem na utilização dessas ferramentas, o compositor se deparou muitas vezes com o número 33. De forma despretensiosa, criou um nome múltiplo de três, com nove letras - sendo a primeira também a terceira do alfabeto. “Cabe dizer que não entendo absolutamente nada de numerologia”, brinca.

Ouça o EP


A coleção de quatro faixas pode abrir caminho para novos lançamentos. “Demorei algum tempo pra lançar esse trabalho porque estou aprendendo simultaneamente todo esse processo de gravar, mixar e masterizar sozinho, em casa. Tenho algumas músicas guardadas que acho que podem completar um CD legal, mas ainda estou me preparando psicologicamente para voltar pro laboratório”, adianta Mateus Sanches.

Top Ad 728x90