08/03/2017

, , , , , , , , , , ,

8 músicas empoderadoras dedicada as mulheres



Rita Lee - Todas as Mulheres

Rita Lee tem um legado feminismo brasileiro, sempre lutou para dar espaço a voz da mulher de brasileira, depois dela se tornou mais fácil uma mulher falar sobre sexo, sobre droga, sobre ser empoderada e dona de suas próprias decisões. O portal poderia fazer uma matéria só com músicas da mesma para mostrar o ativismo feminino, Rita faz falta um verdadeiro ícone.

Mães assassinas, filhas de Maria/Polícias femininas, nazijudias/Gatas gatunas, kengas no cio/Esposas drogadas, tadinhas, mal pagas/Toda mulher quer ser amada/Toda mulher quer ser feliz/Toda mulher se faz de coitada/Toda mulher é meio Leila Diniz

 Leila havia sido alçada à porta-voz da liberação feminina no país. Desafiando a moral brasileira da década de 60, ela se tornou símbolo da "nova mulher" e uma referência nas mudanças da sociedade nos anos 70.



Pitty - Desconstruído Amélia

Pitty é uma das maiores feministas da cena musical que você respeita, ela dá aulas em seu twitter, e até em programa de TV, vulgo Altas Horas. A cantora lançou ''Desconstruindo Amélia'' onde crítica o fato de uma mulher ser criada para servir o lar.

O ensejo a fez tão prendada/Ela foi educada pra cuidar e servir/De costume esquecia-se dela/Sempre a última a sair/Disfarça e segue em frente/Todo dia, até cansar/E eis que de repente ela resolve então mudar/Vira a mesa,/Assume o jogo/Faz questão de se cuidar/Nem serva, nem objeto/já não quer ser o outro/hoje ela é um também




MC Carol feat Karol Conka - 100% Feminista

A negrita dona do poder que te faz tombar na maracutaia negô, lança uma farofa boa atrás da outra, sempre exaltando o poder de confiança da mulher.  Karol se juntou também com a outra Carol, a Carol Bandida, Carol de Niterói pra criar o hino feminista de 2016. Cheio de representatividade e um beat pesado 100% feminista deixou todas as minas eufóricas.


Eu cresci, prazer carol bandida/Represento as mulheres, 100 por cento feminista/Eu cresci, prazer carol bandida/Represento as mulheres, 100 por cento feminista/Represento Aqualtune, Represento Carolina/Represento Dandara e Xica da Silva/




Valesca Popozuda - Tá Pra Nascer Homem que Vai Mandar em Mim

Com o lançamento do seu primeiro EP pós o hit ''Beijinho no Ombro'', Valesca mandou outro recado, um recado é para os homens: “Tá Pra Nascer Homem que Vai Mandar em Mim”.
E o papo é reto mesmo: ela manda os caras não encherem o saco! A música é cheia de momentos hilários, se liga:
Tá pra nascer homem que vai mandar em mim/Tá pra nascer alguém que vai me esculachar/Tá pra nascer, e eu já falei pra tu/Se ficar me enchendo o saco, mando tomar
Vergonha na cara é coisa rara de se ver/Mal sabe meu nome e já tá querendo me ter/Nunca dependi de homem pra coisa nenhuma



IZA - Quem sabe sou eu
Não tente limitar a monaliza do r&b e pop brasileiro, ela sai com a roupa que ela quer, dança do jeito que ela quer, poruqe quem manda nela é ela mesma e não macho.

Tá reclamando da minha roupa, Tá reclamando do meu beijo, Cheio de água na boca ,Tá morrendo de desejo Eu sei que o meu corpo te incomoda, Sinto muito, o azar é seu,Abre o olho, eu tô na moda ,E quem manda em mim sou eu,Eu, eu
 
Angel B feat Lorena Simpson - Dont Touch

 Angel já chega com um refrão que já manda o recado ''Eu sei eu sei que você gostou de mim, mas não me toque assim, don't touch don't touch pode olhar,mas don't touch'' não é pra tocar ok? Mas Lorena Simpson vem em seguida e reforça ''Eu vou ser clara e falar qual é o problema aqui, de boa olhar e flertar mas não me toca assim/ Desde quando nossas qualidades te dão direito?''






Wanessa Camargo feat. Preta Gil - Amor, Amor

Wanessa catou sobre empoderamento feminino em 2006 com single ''Amor, Amor'' e até hoje é uma das suas músicas de maiores sucessos, apesar da cantora se afirma uma cantora romântica é no agito feminista que sua personalidade ficou cravada, até em músicas mais melódicas como ''Culpada'' e em sua fase atual sertaneja ''Em Cima do Salto''.

Amor, amor se pensa que é assim/Que é só chamar que eu vou/O que você quiser/É só pedir que eu dou/E nem que eu não resisto ao teu poder de sedução/Amor, amor se toca de uma vez/E tenta entender/Debaixo dessa roupa vive uma mulher/E dentro deste corpo/Bate forte um coração/Comigo, não
Poderosa, atrevida/Ninguém se mete mais na minha vida/Se eu to dançando, to te tocando/Não significa que eu estou me apaixonando/


Elza Soares - Maria da Vila Matilde

Se você se aventurar com a rainha Elza Soares, ela te joga água fervendo e chama o cachorro pra te pegar. A cantora que aos 78 anos lançou um álbum totalmente feminista, que incentiva as mulheres a denunciarem a violência doméstica. ''Maria da Vila Matilde'' faz parte do álbum a '' A Mulher do Fim do Mundo'' que ganhou Grammy Latino de melhor álbum de música popular brasileira.

 Cadê meu celular? Eu vou ligar pro 180 Vou entregar teu nome E explicar meu endereço Aqui você não entra mais Eu digo que não te conheço E jogo água fervendo Se você se aventurar Eu solto o cachorro E, apontando pra você Eu grito: péguix guix guix guix Eu quero ver Você pular, você correr Na frente dos vizinhos Cê vai se arrepender de levantar a mão pra mim


Top Ad 728x90